12 novembro 2015

Resenha #61 - Reencontro

|| ||
Livro cedido para resenha em parceria com a autora. Todas as opiniões aqui presentes são minhas e puramente minhas, na tentativa de transmitira a vocês as sensações e impressões que tive durante a leitura.

Prepare-se para conhecer Ana Luiza, uma garota que pode te fazer sentir amor, repulsa, piedade, indignação e muito mais. Ana tem diversos problemas familiares e pessoais. Graças a esses problemas, ela se entrega ao mundo das drogas e isso leva a depressão e depressão leva as drogas e assim ela vive em um circulo vicioso. Seus pais brigam de mais, ela pouco sai, acha que a melhor amiga não a entende, não acredita no futuro do curso que escolheu... A Ana se afunda cada vez mais.
Ana não encontra motivação para quase nada, mas isso começa a mudar com a chegada de Rafael, um verdadeiro anjo.

A opinião da Lary sobre o livro...

Reencontro está muito longe de ser um romance clichê. É uma história muito autêntica. Tão plausível que pode estar rolando uma igual entre seus conhecidos nesse exato momento. 
É incrível a forma como a Leila aborda a depressão, que é um assunto tão chato e pesado. Ela consegue falar a respeito com leveza e sempre na intenção de tirar a personagem do poço sem fundo que é a depressão e drogas. Ela retrata também o vicio da protagonista. Fala sobre como Ana Luiza se sente quando está sem sua droga e a dificuldade que ela encontra para abandonar esse caminho e também relata as consequências drásticas do uso de substâncias tóxicas.
Confesso que julguei a Ana pelas suas atitudes, mas ai lembrei de muitas atitudes minhas no passado e parei de julgá-la. Acho que nada justifica o vício, porém cada um encontra sua forma de fugir da realidade muitas vezes difícil de ser aceita e vivida. Depois de pensar um pouco sobre isso, percebi que Ana não é o vilão da história.
Claro que tem romance, tem amizades e tem família. Leila consegue falar sobre esses assuntos tão diversos e tão interligados de forma separada e também em conjunto. Reencontro retrata também mentiras e a falta de confiança nas pessoas e o que isso pode acarretar. Infelizmente, às vezes, as consequências são pesadas de mais.
O final do livro foi muito bom. Ela não deixou pontas soltas. Eu me surpreendi um pouco com o desfecho, mas também teve partes que acertei. Acho que isso de tentar descobrir o final do livro é muito meu. Todo livro eu faço isso e gosto tanto de ser surpreendida quanto de estar certa em meus palpites
Anyway, o que eu posso dizer é que Reencontro é muito mais que um romance NA. É uma lição sobre família, sobre escolhas e consequências. É um daqueles livros que deve ser relido em diferentes fases da vida, pois em cada situação, ele lhe ajudará de alguma forma. Indico para todos que gostam de drama e de livros com temas familiares e sobre drogas.

Ficha Técnica...

Título: Reencontro
Autora: Leila Kruger
Editora Novo Século
496 páginas
Nota: **** (4/5)
Nota no Skoob: 4.2

O livro cumpriu itens do Desafio Literário? Sim
Quais?
Um livro da literatura brasileira
Um livro escrito por uma mulher
Um livro ganho
Eles tinham seu anel de serem um do outro.

Concluindo: Reencontro não é um livro leve, mas é um ótimo livre para quem está precisando fazer reflexões sobre a vida, um livro para ser relido sempre. Um livro para guardar no coração.

10 comentários:

  1. Olá Lary;
    Apesar de já ter lido a sinopse deste livro nunca tinha lido uma resenha e é encantador, sem dizer que a arte de capa é linda.
    Adoro quando leio um livro que termina sem pontas soltas, sinal de que foi escrito com muito carinho e não para ser apenas mais do mesmo.
    Espero poder ler também.

    Beijos da Camila.
    http://cabinedeleitura1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Camila
      Eu me surpreendi bastante com esse livro. Fui sem grandes expectativas e me encantei com uma história envolvente e com um romance incrível. Espero que o leia e se delicie tanto quanto eu.
      Beijos

      Excluir
  2. Oi oi!
    Adorei conhecer o livro! Até anotei aqui na minha listinha de desejos! O tema abordado, drogas e depressão, são muito interessantes!
    Abraços.

    http://www.oraculodeelfos.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      Fico feliz em saber que ele foi parar na sua listinha. Espero que logo vá pra sua estante e pra suam ente.
      Abraços

      Excluir
  3. Eu gosto de livros que nos fazem refletir sobre a vida e sobre assuntos tão poucos tratados e quando o são, são feito de modo preconceituoso, como é o caso da depressão.
    Tem livros que pelo decorrer da história a gente já pode inferir como será o final, mas é bacana quando ficamos surpreendidas.
    Abraços.

    Minhas Impressões

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também sou do tipo que adora livros que fazem a gente refletir. Esse por exemplo, me fez refletir até sobre meus julgamentos sobre a atitude de uma pessoa.
      Abraços

      Excluir
  4. Oi Lary! Amei a resenha. Ler e escrever são minhas paixões, e sua resenha me deixou com vontade de lê-lo. Obrigada pela dica, me interessei bastante e vou anotá-lo na minha lista pra ser o próximo!
    AH!!! E a propósito, amei o blog e já estou inscrita! <3
    Se te interessar, da uma passadinha no meu, eu acabei de reativá-lo depois de uns bons meses parado e tô me empenhando pra voltar com tudo! Espero que curta: www.umablogueiranordestina.blogspot.com

    Um beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá
      Que bom que gostou da minha resenha. Esse é um livro incrível e espero mesmo que você o leia. Escrever também é uma de minhas paixões e cada nova leitura me dá mais inspiração ainda. Claro que vou conhecer seu cantinho.
      Beijos

      Excluir
  5. Lary, nunca tinha ouvido falar desse livro, mas gostei da história. Esse ano passei por muitos momentos que tive de parar e pensar qual caminho iria seguir, então, provavelmente vou entender a Ana caso leia "Reencontro". Beijinhos, Beatriz.

    www.odiariodeumaescritorainiciante.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma história muito boa Bea. Tenho certeza que a entenderia. Mesmo eu, que a julguei no início, a entendi.
      Beijos

      Excluir

Quer conversar comigo? Me mande um e-mail: vidasempretoebrancocontato@gmail.com
♥ Chegou até aqui, não custa comentar ;)
♥ Todos os comentários são respondidos e retribuídos, normalmente nas quartas e domingos;
♥ Não faça spam. Apagarei com certeza.
♥ Se tiver alguma dica, crítica ou o que for, pode deixá-la aqui, mas faça com jeitinho, sou sensível
Cada comentário me deixa muito feliz.
Beijos na bochecha

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Vidas em Preto e Branco - 2015. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo do blog.
Criado por: Marcy Moraes.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo