16 agosto 2017

Resenha #110 - 101 dias com ele

|| ||
Livro cedido para resenha em parceria com a autora. Todas as opiniões aqui presentes são minhas, sem interferência, na esperança de transmitir a vocês minhas sensações e observações sobre a leitura.
Depois de dois cappuccinos, um sorriso sedutor e um acordo inusitado, a história irresistível de Alan e Daniela começa.O primeiro encontro não foi dos melhores, nem o segundo na verdade. Mas, depois de muitas promessas e uma data final estipulada, Daniela resolve ajudá-lo em um plano maluco.Alan é extrovertido, bonito e protetor. O que ele mais quer, é ter o orgulho de seu pai. Mas, no meio do acordo, ele acaba percebendo que tem outra coisa que ele quer ainda mais.Daniela é aquele tipo de garota que joga videogame e assiste a filmes românticos. Seu grande sonho é conseguir publicar os textos que escreve.Com o passar do tempo, o que era apenas um acordo com dias contados, torna-se o início de uma amizade abrasadora. Você teria coragem de abandonar um objetivo que sempre acreditou, por algo totalmente novo e inesperado? E se esse inesperado fizesse seu coração bater mais forte?Eles terão cento e um dias, mas o final, nem sempre precisa ser o fim.
Se você não gosta de livros clichês, não leia esse. É um clichê, mas um clichê bem escrito. Um clichê gostoso de ler. Um clichê que faz você terminar a leitura com um sorriso no rosto. E eu adoro isso.
Temos Dani e temos Alan. Duas pessoas diferentes que por acaso se encontram. Não seria clichê se fosse de outra forma, certo? Eles se esbarram e Alan dá em Dani um banho de cappuccino. Eu adoro cappuccino. É a unica coisa parecida com café que eu tomo. Por causa desse pequeno incidente, os dois acabam conversando e se tornando amigos. E mais. Eles descobrem que estão morando no mesmo prédio, vizinhos praticamente, porque Alan está morando com sua irmã, após passar por um rompimento de um relacionamento conturbado. 
Alan, moço rico, sonhador. Dani, moça sonhadora, escritora. O pai de Alan conhece Dani. Se encanta por ela. Presume que são namorados. E ai a bagunça começa. Alan convence Dani a aceitar um acordo no qual eles tem que se fingir de namorados por 101 dias. E esse fingimento leva eles até a casa dos pais de Alan e a muitas outras confusões. 
"Os lábios dele encaixaram-se aos dela com tanta perfeição, que pareciam feitos um para o outro. A boca dela era macia e quente, exatamente como ele já havia imaginado. E ele, bom, Dani concluiu que Alan era bom em muitas coisas, principalmente em beijá-la sem qualquer tipo de aviso prévio." Pág. 65
A leitura foi super rápida e super divertida. Eu me encantei com a história desses dois jovens. Eles viveram o tipo de coisa que eu sempre achei que fosse acontecer comigo, mas falo sobre isso em outra hora. É uma leitura rápida, engraçada e cheia de cliché fofo e que sempre acaba nos ensinando algo.
É uma história de amor que poderia acontecer com qualquer um. O que a impede de hoje estar saindo com um copo de cappuccino na mão e um desastrado entrar e esbarrar em você? Você pode simplesmente ignorar e ir embora, ou pode fazer como Dani e dar um show reclamando da falta de cuidado do cidadão. Bom, para eles funcionou.
"É amor. Você ama esse homem como nunca amou ninguém na vida, por isso não sabe explicar. O amor não se explica; apenas se sente." Pág. 149
Eu indico muito a leitura se você adora romances fofos e que também abordem temas complicados. Sim. Temos temas complicados a serem tratados aqui, como abuso sexual, ex-namorados psicóticos, stalkers... Nem só e romance cliché esse livro é feito, meus amigos. Até porque o final da história vai fugindo bastante do cliché, ao menos pra mim. Não é um livro surpreendente. Nas primeiras páginas você já sabe como vai terminar, mas não sabemos tudo que vai acontecer no meio. E é o meio que faz toda a diferença.
"_Primeiro: pare de se culpar! [...] A culpa NUNCA é da vitima, entendeu?!" Pág. 188
A edição é bem bonita, mas bem simples. É mais uma publicação independente da autora, assim como Essencial. As páginas são amareladas, a fonte tem um tamanho okay, a revisão ficou bem boa e a edição tem detalhes visuais muito bonitos, além de fazer referência a dois outros casais de livros da autora. Isso que é merchan eficiente, meus amigos. O livro hora é narrado por Dani, hora narrado por Alan e isso deixou tudo mais divertido porque, ás vezes, temos o ponto de vista dos dois sobre o mesmo acontecimento.

Ficha Técnica...

Título: 101 dias com ele
Autora: Paula Oliveira
Publicação independente
264 páginas
Ano 2015
Nota: 3.5
Nota no Skoob: 4.3

Quote escolhida para o projeto Poteando Quotes

Detalhe da mudança de assunto, ou narrador

Início do capítulo todo decoradinho. Todos são assim.


Vai um cappuccino ai?





Concluindo: É uma história muito boa e muito bem escrita. Eu fiquei sonhando com o romance dos dois. É tão real, tão possível e isso deixa tudo ainda mais lindo. Se não curte romances melosos clichés, não leia. Caso contrário, parta pro ataque.
Espero que tenham gostado de conhecer um pouco sobre esse livro. Se já leram algo da autora, me deixem saber. Se tiver dúvidas, me avise que responderei tudinho. Um beijo grande e até a próxima.

Comprem o livro físico com a autora:
contato.oliveira19@gmail.com
Ou pelo Face
O e-book pode ser comprado na Amazon

4 comentários:

  1. Eu fujo de clichês, confesso, mas se eles são bem escritos eu gosto. Uma vez eu até dei chance pro Nicholas Sparks rs A única coisa que não gostei é que ele tratou o amor como uma coisa do além, eu acho que é mais natural como esse livro que você resenhou. Enfim, adorei a resenha e fiquei com vontade em ler!

    www.vestindoideias.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro é muito amor, muita fofura. Eu recomendo até pra quem foge de clichê, porque ele é bem escrito e tem uma história muito bonita.

      Excluir
  2. Esse livro parece ser muito bom e que capa é essa? Ameeeei.
    Beijinhoos. ❤
    www.amordeluaazul.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa capa é muito amor. Tem degustação dele no Wattpad ;)
      Beijo

      Excluir

Quer conversar comigo? Me mande um e-mail: vidasempretoebrancocontato@gmail.com
♥ Chegou até aqui, não custa comentar ;)
♥ Se deixar o seu link clicável, eu vou retribuir seu comentário, pode ter certeza;
♥ Não faça spam. Apagarei com certeza.
♥ Se tiver alguma dica, crítica ou o que for, pode deixá-la aqui, mas faça com jeitinho, sou sensível.
♥ Para saber o que respondi, ative a caixa de notificações de próximos comentários.
Cada comentário me deixa muito feliz.
Beijos na bochecha

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Vidas em Preto e Branco - 2015. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo do blog.
Criado por: Marcy Moraes.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo